O que é densidade?

De uma forma bem resumida, densidade é a quantidade de matéria que existe num volume determinado. Para entender melhor, é necessário primeiramente compreender cada um desses conceitos de forma separada: matéria e volume.

O volume é uma medida tridimensional de espaço (altura, largura e comprimento). Assim, o volume de um objeto nada mais é do que o espaço que ele ocupa. Imaginando um celular como exemplo, é possível calcular seu volume aproximado multiplicando os valores da altura, da largura e do comprimento (“grossura”) do celular. No entanto esse cálculo pode ser bem mais complicado para objetos irregulares, esféricos ou para gases, mas a ideia é sempre a mesma: volume é o espaço que o objeto ocupa.

Além de objetos, lugares também possuem volume. Dessa forma, o quarto onde você dorme tem um volume determinado pela largura, altura e comprimento do quarto. Quanto maior o quarto, maior o volume. Podemos pensar da mesma forma para uma casa, um ônibus, uma caixa, etc..

Quando falamos em matéria (em química ou física), estamos nos referindo a tudo que ocupa espaço e que tem massa. Toda matéria é formada por entidades básicas chamadas de átomos. É da combinação desses tais de átomos que surgem todas as substâncias químicas e objetos. Assim, o que conhecemos por água, nada mais é do que uma combinação de dois tipos de átomos diferentes: o átomo de Hidrogênio e o átomo de Oxigênio.

Quando os átomos se combinam, formando as substâncias químicas, ocorrem interações químicas e físicas que irão determinar a distância entre os átomos, e é aí que começamos a pensar na densidade.

Numa substância química, quanto mais próximos estão os átomos, mais massa existirá no espaço ocupado pela substância, pois teremos menos espaço vazio. Para entender essa situação, pense em um elevador. Como o interior do elevador tem um espaço, ou volume, limitado,  quanto menos pessoas estiverem nele, maior será o espaço livre e com muito espaço livre, terá uma massa menor. Entretanto, se o elevador estiver lotado, com as pessoas muito próximas e quase nenhum espaço vazio, ele terá uma massa maior, uma vez que existirá mais matéria dentro dele (sim, pessoas também são formadas por matéria!).

Líquidos com diferentes densidades.

Líquidos com diferentes densidades.

Quando pensamos em substâncias químicas, podemos perceber que objetos metálicos, por exemplo, são mais pesados do que um objeto de madeira do mesmo tamanho. Isso acontece pois nos objetos metálicos os átomos estão muito próximos entre si, como num elevador lotado! Já no objeto de madeira, os átomos estão mais distantes, como no elevador vazio. Por conta disso, dizemos que os objetos metálicos, em geral, têm maior densidade do que os objetos de madeira.

Assim voltamos para a definição do começo do texto: densidade é a quantidade de matéria que existe num volume. Ou seja, quanto maior é a massa ocupando um espaço, maior é a densidade. É por isso que calculamos a densidade dividindo a massa (medida, geralmente, em gramas) pelo espaço (medido, geralmente, em centímetros cúbicos).

Por curiosidade, você já percebeu que algumas coisa afundam quando jogadas na água mas outras coisas flutuam? Isso tem relação com a densidade da água e do objeto que você joga nela! Se o objeto tiver densidade maior do que a da água, ele irá afundar, mas se a densidade do objeto for menor que a da água, ele irá flutuar. É por isso que às vezes mesmo os objetos muito grandes, como troncos de madeira, flutuam na água.

Sobre Daniel Bagatini

Curioso, chato e muito ocupado. Se não esqueci nada, essa dever ser a melhor definição de mim mesmo. Se ainda quer saber mais, sou um aspirante a Doutor e atualmente Professor (ou babá) de Ensino Fundamental. Adoro crianças, principalmente quando elas viram adultos e saem de casa, caso estejam assadas também são uma opção muito boa! ;p